top of page
jornal

Imprensa

Espaço de relacionamento com a mídia e assessorias de comunicação

Gestores do projeto Garimpo Sustentável participaram de Feira da Indústria da Mineração



O gestor geral do projeto Garimpo Sustentável, realizado pela Central das Organizações do Estado de Mato Grosso (Cordemato) Josias Silva de Jesus, e consultor técnico do projeto e geólogo da Companhia Mato-grossense de Mineração (METAMAT), Antônio João Paes de Barros participaram da II Feira da Indústria da Mineração (BRASMIN 2023). O evento foi realizado na última semana na Pontifícia Universidade Católica de Goiás.


O BRASMIN 2023 teve o intuito de discutir as principais novidades no setor, além de apresentar soluções para o futuro. E a participação do gestor da Cordemato, auxilia na atualização das metas para a próxima fase do projeto Garimpo Sustentável.


“Nós finalizamos a primeira fase do projeto com uma pesquisa socioeconômica, um documentário, e um evento, para discutir a mineração artesanal, com os trabalhadores, poderes constituídos e comunidade acadêmica. E agora, estamos totalmente focados na próxima etapa, de formalização e capacitação dos trabalhadores tradicionais, e estar atento ao que tem de mais atual nesse setor, e discutir as soluções em âmbito nacional, faz parte do trabalho.”, comentou Josias Silva de Jesus.


A mineração é responsável pela extração das matérias-primas que são utilizadas pela maioria das indústrias, como metalúrgicas, siderúrgicas, fertilizantes, petroquímica, tratamento de água, construção civil, eletroeletrônica, aeronáutica, farmacêutica, papel, cosmética e muitas outras. O setor também é um dos grandes responsáveis pela interiorização do desenvolvimento.

Em 2021, o setor mineral, incluindo a transformação dos bens minerais, representou 22,5 % do PIB chegando a 145 bilhões de dólares. Entre as principais substâncias encontradas em território brasileiro destacam-se o nióbio, minério de ferro, ouro, bauxita, cobre, tantalita, manganês, dentre outros.

A atividade mineradora é responsável pela criação de inúmeros empregos diretos e indiretos, e pela geração de divisas. Ano passado havia mais de 700.000 pessoas empregadas na mineração e o setor gerou um saldo de 41,7 bilhões de dólares na balança comercial.


Durante o evento, o geólogo METAMAT, Antônio João Paes de Barros apresentou o “A evolução do garimpo para a empresa de mineração (Rastreabilidade, Meio Ambiente, Pesquisa Mineral, Assistência Técnica)”.


Aline Coelho

Assessoria de Comunicação

Comments


bottom of page